5 de Novembro de 2013 - 11h38

Muito trabalho e um pouco de sorte

A receita de Ricardinho em Brasília
Muito trabalho e um pouco de sorte Duda Bairros / Vicar
Quinto colocado na última vez em que o Circuito Nova Schin Stock Car correu em Brasília, Ricardo Maurício aposta na regularidade apresentada por sua equipe, a Eurofarma RC, para se manter entre os primeiros colocados no campeonato. O dono do carro #90 terminou a etapa disputada em junho na quinta posição e hoje divide a terceira colocação com Cacá Bueno. A penúltima etapa do ano acontece neste domingo (10/11), no Autódromo Nelson Piquet.
 
As características da pista aumentam o desgaste dos pneus e o fator sorte pode decidir a disputa. "Estamos prontos para a disputa em Brasília, uma pista que exige muito trabalho técnico e um pouco de sorte. Sem contar que, por ser um circuito ‘oval’, as curvas são todas para o mesmo lado. Teremos que avaliar se faremos ou não a troca (de pneus), tudo isso leva tempo. A decisão depende ainda da posição dos concorrentes na hora da corrida, ou seja, são muitas variáveis", comenta Ricardo Maurício.
 
“A pista é antiga e o desgaste dos pneus é excessivo. Temos que dosar entre a ousadia e a cautela para que os pneus cheguem inteiros até o final da prova. Mas, dependendo do ritmo da corrida nem sempre isso é simples", explica o companheiro de equipe de Ricardinho, Max Wilson, que ocupa a sexta colocação no campeonato e mantém chances de brigar pelo título.
Venda de ticket

Compre já seu ingresso
para a próxima etapa!

Clique aqui e
garanta o seu.
x