28 de Setembro de 2014 - 13h26

Mais perto do primeiro

Cacá tira mais sete pontos para o líder
Mais perto do primeiro Duda Bairros/Vicar

A nona etapa da temporada 2014 da Stock Car foi muito boa para Daniel Serra. O piloto do carro #29 da Red Bull Racing somou 27 pontos nas duas corridas disputadas em Santa Cruz do Sul, reduzindo a desvantagem para os líderes do campeonato, ao sair do interior gaúcho como segundo maior pontuador do fim de semana. Apesar dos resultados não muito animadores no traçado de 3.531 metros santa-cruzense - 15º e 14º nas duas corridas -, Cacá Bueno vai para as últimas três etapas da temporada com uma desvantagem de 11,5 pontos para o primeiro colocado em 2014.

Corrida 1
Na largada, enquanto Serrinha conseguiu se manter na quarta colocação, Cacá aproveitou a confusão das primeiras curvas subir de oitavo para sétimo. A dupla da Red Bull Racing manteve as posições até a terceira volta, quando um acidente envolvendo Tuka Rocha, Valdeno Brito e Denis Navarro provocou a entrada do safety car no começo da quarta volta.

A relargada aconteceu na abertura da sexta volta e mais uma vez as primeiras colocações foram mantidas, até a volta seguinte, quando Nonô Figueiredo foi para cima de Cacá para ganhar o sétimo lugar. O carioca se manteve em oitavo por mais cinco voltas, até ser ultrapassado por Antonio Pizzonia. Enquanto isso, Serrinha perseguia Max Wilson na luta pelo terceiro lugar, até a segunda entrada do safety car, na 16ª volta, em virtude de uma batida do Beto Cavalero.

A prova recomeçou três passagens depois e com boa parte dos pilotos entrando no box para fazer a parada obrigatória. Pior para o pentacampeão que perdeu posições importantes no pit stop, por ficar preso atrás do carro de Max Wilson. Quem se deu bem foi Serrinha, que entrou em quarto e voltou colado no então líder da prova, Thiago Camilo.

Com menos de cinco voltas para o final, o piloto do carro #29 foi para cima de Camilo, mas não conseguiu superar o adversário para chegar à vitória. Cacá ocupava a 18ª posição na volta dos boxes e passou a batalhar pelas posições, até receber a bandeirada em 15º para somar pontos importantes na disputa do campeonato.

Corrida 2
A segunda prova do domingo teve pouco tempo de bandeira verde. Logo na largada um acidente com Alceu Feldmann e Diego Nunes, provocou a entrada do safety car, mais uma vez. Com isso, Serrinha continuava em nono, devido ao grid invertido entre os dez primeiros de uma bateria para a outra, e Cacá ganhou uma posição, passando para 14º.

Após quatro voltas atrás do safety car, a prova recomeçou. Na abertura da sexta volta Cacá foi superado por Átila Abreu e Rubens Barrichello, adversários diretos na disputa do campeonato, caindo para a 17ª colocação. Na passagem seguinte, Átila se tocou com Casagrande, e o pentacampeão voltou a sua posição de largada na etapa, antes da prova ser paralisada, pela quarta vez devido a um acidente com os carros de Popó Bueno, Felipe Tozzo e Galid Osman.

Com três voltas para o fim, os pilotos foram para o tudo ou nada, mas sem grandes alterações na ordem da prova. Serrinha e Cacá ainda ganharam uma posição, após Khodair sofrer com um pneu furado na abertura da última passagem, para terminarem em oitavo e 14º, respectivamente.

A próxima etapa da temporada 2014 da Stock Car será disputada no Autódromo de Tarumã, dia 2 de novembro, mais uma vez no Rio Grande do Sul.

 

Venda de ticket

Compre já seu ingresso
para a próxima etapa!

Clique aqui e
garanta o seu.
x