31 de Julho de 2015 - 13h35

Pilotos aprovam novidades nos freios

Vice-líder do campeonato, Marcos Gomes foi o segundo mais veloz na quinta-feira; ele e seu companheiro de equipe Felipe Fraga elogiaram as novas pinças e pastilhas de freios que foram testadas hoje pela primeira vez na Stock; Átila Abreu também se entusia
Pilotos aprovam novidades nos freios Fernanda Freixosa/Vicar

A sexta rodada da Stock Car começou um dia mais cedo em Curitiba, com o treino extra para teste de novas pinças e pastilhas de freio. A novidade foi aprovada por pilotos como o atual vice-líder do campeonato Marcos Gomes, da equipe Voxx Racing, que foi o segundo mais rápido do dia, apenas 0s07 atrás do primeiro colocado. "Pelo que vimos, a novidade no sistema de freios agradou já neste primeiro contato. Não acredito que isso trará ganho de performance, mas sim mais conforto na tocada do carro, evitando que as rodas sejam bloqueadas em freadas mais fortes", explica Gomes.

Apesar de ser um treino extra, todo mundo acelerou forte. "Foi muito bom já fazer um bom treino, mostrando que assim como nas cinco etapas anteriores nosso carro já desceu do caminhão com um ajuste muito rápido", completa o piloto da Voxx Racing. Mais jovem vencedor da história da Stock Car, Felipe Fraga fez o 14o melhor tempo hoje, mas acredita que tem potencial para melhora amanhã. "Focamos nas primeiras voltas no ajuste do freio, e achamos que as novidades trouxeram melhoras. Amanhã, com um jogo de pneus melhor, conseguiremos evoluir bem o acerto", diz o tocantinense.

Na AMG Motorsport, o primeiro contato de Átila Abreu com os novos componentes dos freios da Stock Car rendeu uma avaliação positiva do vice-campeão da categoria. "A primeira impressão foi de um sistema melhor nas freadas, com uma boa resposta do carro. Ainda travou um pouco, em um ponto da pista apenas. Acho que isso conseguiremos resolver trabalhando no acerto do carro. O treino tinha só 20 minutos, teve bandeira vermelha e fiz seis voltas rápidas. Abusei ao máximo para tentar ver o limite da freada e senti mais segurança que nas últimas etapas. Mas o acerto do carro ainda não está perto do que poderia ser. Tem muito para melhorar e buscar o ritmo", declarou o sorocabano após encerrada a sessão extra.

"Temos um dia a mais de trabalho na análise dos gráficos para chegar amanhã cedo com um carro já equilibrado e competitivo", frisou o vice-campeão da principal categoria do automobilismo nacional. Depois de sofrer em algumas provas de 2015 com a adaptação dos antigos componentes do sistema de frenagem ao pneu deste ano, o competidor está otimista em buscar na capital paranaense seu desempenho mais expressivo do ano. "Temos potencial. Se conseguirmos resolver o problema da travada naquele ponto específico, vamos ter muito mais chances que antes", concluiu o dono do Chevrolet #51.

A sexta-feira terá mais uma sessão de treinos livres. No sábado, a classificação será às 12h, com transmissão ao vivo do Sportv, que exibe também a rodada dupla no domingo a partir das 13h.

Venda de ticket

Compre já seu ingresso
para a próxima etapa!

Clique aqui e
garanta o seu.
x