9 de Março de 2016 - 10h55

Atual campeã, Voxx Racing estreia com vitória e liderança da Stock Car em 2016

Marcos Gomes e Pizzonia venceram a Corrida de Duplas; Felipe Fraga e Rodrigo Sperafico terminaram em 4º, colocando a Voxx Racing na ponta dos campeonatos de pilotos e equipes
Atual campeã, Voxx Racing estreia com vitória e liderança da Stock Car em 2016 Duda Bairros/Vicar

A Voxx Racing Team começou a temporada 2016 mantendo os bons resultados do ano anterior. A dupla Marcos Gomes e Antonio Pizzonia faturou a Corrida de Duplas em Curitiba e, com o quarto lugar de Felipe Fraga/ Rodrigo Sperafico, a equipe terminou a primeira etapa com 9 pontos e a liderança assegurada da competição da qual foi campeã em 2015.

Largando em quinto, Marcos Gomes entregou o carro para Pizzonia na segunda colocação. Aí, o amazonense partiu para cima de Guilherme Salas e, após uma bela ultrapassagem, manteve a ponta até o final.

"Essa corrida vai ficar na minha memória para sempre. Foi uma vitória diferente por estar torcendo ali do lado de fora do carro no final. O Pizzonia mostrou muita competência desde que entrou no nosso carro, sempre andando entre os melhores convidados. Nós ultrapassamos adversários fortíssimos na pista e no box, foi realmente um triunfo completo", diz Gomes, que agora soma 4 vitórias e 9 pódios com a Voxx Racing. O piloto de Ribeirão Preto tem outro recorde: terminou todas as provas em dupla no pódio: terceiro em 2014, segundo em 2015 e agora primeiro neste ano.

Para Pizzonia, a sensação foi de extrema felicidade. "Primeiramente eu gostaria de agradecer o convite do Marquinhos e da Voxx Racing. Nós formamos uma ótima dupla e, pelo que eu senti do carro neste final de semana, a equipe tem totais condições de lutar pelo título novamente. A vitória ficou ainda mais especial pela presença do meu filho (Antonio) em Curitiba", afirma o amazonense.

“Muitos consideram o automobilismo um esporte individual, mas é muito mais coletivo do que imaginam. No caso da Corrida de Duplas, nem se fala... Se cada membro da equipe não tivesse feito um trabalho impecável, sem dúvida não teríamos chegado ao lugar mais alto do pódio. Aprendi muito durante o final de semana trabalhando com este grande time e isso, para a minha busca incansável de melhorar a cada dia, não há dinheiro que pague”, filosofou o amazonense, que até o ano passado competiu pela Mico’s Racing.

“Curitiba era um lugar que, historicamente, eu não tinha bons resultados apesar de ter vencido duas vezes em categorias diferentes, mas na Stock Car meu retrospecto lá não era dos melhores. Agora comemoro esta vitória com uma mistura de sentimentos. No pódio uma alegria muito grande; na saída do autódromo, uma grande tristeza em saber que o automobilismo perde este lugar e que jamais voltaremos a acelerar aqui. Boas lembranças não se apagam e a imagem das arquibancadas sempre lotadas só demonstra o amor que o público local tem pelo esporte. Uma pena para nós, pilotos, e para quem durante anos nos acompanhou debaixo de sol ou chuva”, escreveu o piloto em sua página no Facebook.

Para Felipe Fraga, a importância do quarto lugar é de poder começar o campeonato mirando os primeiros colocados. "Foi um fim de semana altamente positivo. Dos treinos que eu participei, eu fiquei sempre entre os três primeiros. Nós também lideramos a sexta-feira e talvez tenha faltado apenas um classificatório melhor para nós termos brigado pela vitória. Dos carros que terminaram entre os cinco, fomos a dupla que mais fez ultrapassagens. A equipe fez um ótimo pit stop e uma das coisas mais importantes é que entraremos no classificatório da próxima corrida sabendo já o resultado de 90% do grid", analisa Fraga, primeiro vencedor da Corrida de Duplas ao lado de Rodrigo Sperafico.

Voltando a competir na Stock Car desde a vitória na prova de duplas de 2014, Sperafico acredita que o domingo foi o dia do seu melhor desempenho. "Nós conseguimos um ótimo resultado aqui em Curitiba. Eu havia andado pouco com o carro até o classificatório por causa da pista congestionada e das bandeiras vermelhas nos treinos livres, mas acredito que a oportunidade de andar bastante veio na hora em que o resultado mais importava. A equipe Voxx Racing mostrou hoje que vai disputar o bicampeonato lá no final do ano", diz Sperafico.

Chefe da equipe Voxx Racing, William Lube acredita que o mais importante da etapa foi ter mantido o nível de performance de 2015. "Foram três meses sem corridas, algumas peças novas no carro, e mesmo assim conseguimos manter o caminho da vitória e das primeiras colocações com os dois carros. O Pizzonia e o Sperafico deram boas dicas para o desenvolvimento do carro, e o Marquinhos e o Fraga estão de parabéns por continuarem em ascendência em suas carreiras", avalia Lube.

Venda de ticket

Compre já seu ingresso
para a próxima etapa!

Clique aqui e
garanta o seu.
x