15 de Setembro de 2016 - 15h24

Tetra da Corrida do Milhão fica para 2017

Thiago Camilo é jogado no muro quando evoluía na prova
Tetra da Corrida do Milhão fica para 2017 Foto: Fernanda Freixosa/Vicar

Unico piloto a vencer mais de uma vez a Corrida do Milhão da Stock Car (ganhou em 2011, 2012 e 2015), Thiago Camilo teve que adiar o sonho do tetra para 2017. Na 23ª de 28 voltas da prova que voltou a ser realizada em Interlagos depois de dois anos em Goiânia, Camilo, que brigava pela quinta posição, foi ‘prensado’ do no muro do S do Senna por Ricardo Zonta. Bateu, os dois rodaram, e Camilo voltou em 10º, com o Chevrolet número 21 da Ipiranga RCM bastante avariado. O piloto paulistano que completa 32 anos no próximo dia 20 não conseguiu concluir a prova, batendo no Laranjinha na última volta e ficando com o 17º lugar.

“Eu não ia vencer a corrida, ao menos que acontecesse algo com os dois primeiros, mas chegaria provavelmente em terceiro se o Zonta não tivesse me espremido daquela forma, depois de mudar duas vezes a trajetória do carro”, disse Camilo, que largou em sétimo, e depois de desviar de Marcos Gomes, que rodara na sua frente, caiu para nono. Daí em diante o piloto da Ipiranga RCM impôs um ritmo forte e consistente a ultrapassou Allam Khodair, Cacá Bueno e Max Wilson. Zonta seria o próximo.

A Corrida do Milhão foi vencida por Felipe Fraga, que largou em quarto, pulou para segundo aproveitando um acidente envolvendo Ricardo Maurício e Marcos Gomes, segundo e terceiro no grid, e assumiu a liderança ao ultrapassar o pole position Rubens Barrichello na quarta volta.

Galid Osman, companheiro de Thiago Camilo na Ipiranga RCM, largou em 13º e caiu para 23º depois de levar algumas pancadas no início – na última delas, foi atingido por Lucas Foresti e teve e extrator traseiro danificado, o que comprometeu a aerodinâmica do carro. Mesmo com o carro desequilibrado, o piloto do Chevrolet número 28 da Ipiranga brigou muito para levar a bandeira quadriculada em 14º lugar.

“É muito longe do que eu gostaria e do potencial do carro e da equipe, mas para uma corrida em que fui atingido já na largada e tive o carro bastante prejudicado, terminar na zona de pontuação é um prêmio de consolação”, disse Galid, que com os dez pontos da Corrida do Milhão subiu uma posição no campeonato, passando de 16º para 15º. A próxima etapa da Stock Car acontece em Londrina (PR) dia 25 de setembro.

 

Venda de ticket

Compre já seu ingresso
para a próxima etapa!

Clique aqui e
garanta o seu.
x