12 de Junho de 2017 - 17h41

Thiago Camilo amplia liderança na Stock Car

Piloto da Ipiranga Mattheis manteve a regularidade e ficou entre os dez primeiros nas duas corridas em Cascavel
Thiago Camilo amplia liderança na Stock Car Foto: Duda Bairros/Vicar

Thiago Camilo chegou a Cascavel, quarta etapa da temporada 2017 da Stock Car, na liderança, com dez pontos de vantagem sobre o segundo colocado, Daniel Serra. Pela primeira vez no ano, o piloto da Ipiranga Mattheis não subiu ao pódio em uma etapa, mas saiu da desafiadora pista de 3058 metros do oeste paranaense com 15 pontos de vantagem para Daniel Serra.

A estratégia que Andreas Mattheis e sua equipe traçaram para Thiago Camilo era marcar o máximo de pontos, mesmo abrindo mão de um pódio na corrida principal. Camilo largou em quinto e na segunda volta já estava em terceiro, posição em que entrou no pit para o reabastecimento obrigatório. Botou mais combustível que os demais pilotos do pelotão da frente para perder menos tempo no reabastecimento da segunda corrida, e perdeu a posição para Átila Abreu. Chegou em quarto e largou em oitavo na Corrida 2, saltando rapidamente para o quinto lugar.

Pouco antes da abertura da janela para o reabastecimento, o líder Marcos Gomes rodou e abandonou, veio uma bandeira amarela e Thiago Camilo entrou no pit em terceiro lugar. Como era previsto, fez uma parada mais rápida que os principais adversários e voltou em primeiro, mas àquela altura, faltando menos de oito minutos para o fim, já não tinha mais nenhum ‘tiro’ do botão de ultrapassagem para acionar e foi muito difícil segurar a posição. O piloto do Chevrolet número 21 cruzou a linha de chegada em quinto, mas como Serrinha não pontuou, ampliou a liderança na tabela de pontos. Max Wilson venceu a primeira prova e Vitor Genz a segunda.

“Cumprimos plenamente nosso objetivo, que era sair daqui na liderança. Na segunda corrida, além de eu não ter mais botões de ultrapassagem para usar, meu pneu traseiro acabou no fim da corrida. Se fosse só um problema de não ter os botões de ultrapassagem talvez eu conseguisse segurar um pódio. O que me deixa mais confiante para o resto da temporada é que a gente ainda não atingiu nosso potencial máximo em nenhuma etapa. Tivemos pequenos problemas em todas, principalmente na Corrida 2, e mesmo assim estamos pontuando com muita consistência”, analisou Camilo.

Galid Osman, companheiro de Camilo na Ipiranga Mattheis, adotou uma estratégia semelhante. Largou em 10º na primeira corrida, travou e venceu um bonito duelo com o campeão de 2015 Marcos Gomes na pista, cruzou a linha de chegada em oitavo e largou em terceiro na Corrida 2. Na entrada para o pit stop obrigatório, Galid liderava, mas uma quebra ainda não identificada tirou o piloto do Chevrolet número 28 da prova.

A próxima etapa da Stock Car 2017 é a Corrida do Milhão, dia 2 de julho, em Curitiba.

Venda de ticket

Compre já seu ingresso
para a próxima etapa!

Clique aqui e
garanta o seu.
x