Últimas notícias

Daniel Serra repete 2017 e conquista a pole

Líder da temporada, piloto da Eurofarma busca seu segundo milhão. Rubens Barrichello larga da segunda posição, e Felipe Massa, apenas em 28º

Daniel Serra colocou um fim ao domínio da Hero Motorsport em Goiânia e conquistou a pole position para a décima edição da Corrida do Milhão, que acontece neste domingo (5) às 11h30 com transmissão ao vivo da TV Globo. Fato é que o atual campeão e líder da temporada colocou-se sempre entre os mais rápidos em todas as fases da classificação, disputada no início da tarde deste sábado (4) e agiu na hora certa para ficar com o primeiro lugar no grid.

“Sempre bom largar na frente. A classificação é um momento do final de semana que o piloto gosta muito, pois é quando pode tirar absolutamente tudo do carro. Então, fazer a pole é muito bom – embora isso não decida nada. Tem bastante coisa para pensar para a corrida amanhã, mas tenho de admitir que sair na frente é uma vantagem. Agora é questão de deixar baixar a adrenalina e pensar na corrida”, disse o filho do tricampeão Chico Serra.

O piloto da Eurofarma, além de atual campeão e líder do campeonato, é o último vencedor da Corrida do Milhão, prova que em 2017 foi realizada em Curitiba. Na ocasião, Serrinha também largou da pole position.

Tanto no Q1 como no Q2, o mais rápido havia sido Lucas di Grassi, cravando 47s681 e 47s547 em cada uma das fases, respectivamente. No Q3, quando os seis mais rápidos vão sozinhos para a pista, o desempenho do piloto da Hero não se repetiu – em virtude de um erro que o próprio piloto admitiu.

Daniel Serra de certa forma surpreendeu ao ser o segundo a tentar seu tempo na fase final da definição para marcar 47s852 e não ser superado por mais ninguém. Penúltimo a entrar na pista, Rubens Barrichello fez 47s864 para ficar com o segundo tempo. O português Antonio Félix da Costa cravou a terceira melhor marca pouco antes. A expectativa ficava por conta do tempo de volta que faria Di Grassi, o último a marcar sua volta rápida; contudo, o paulistano de 33 anos admitiu ter cometido um erro na primeira curva e ficou apenas com o quinto tempo. Cacá Bueno fechou a lista do topo-6.

Entre os vencedores das edições anteriores da Corrida do Milhão, além de Rubens Barrichello, que larga em segundo. Felipe Fraga é o sétimo no grid; Ricardo Zonta é o 14º, Thiago Camilo, tricampeão da prova, é o 18º; Ricardo Maurício é 22º e Valdeno Brito, o primeiro vencedor da história da corrida, o 26º.

Lucas Foresti, Bruno Baptista e Átila Abreu fecham os dez primeiros do grid. Uma das estrelas convidadas para a Corrida do Milhão, Felipe Massa sai da 28ª posição com o carro da Cimed Chevrolet Team.

A prova tem largada às 11h30 deste domingo (5), com transmissão ao vivo da TV Globo. Na Argentina, o site carburando.com transmite a prova dentro do país.

Grid de largada da Corrida do Milhão:
1. 29 Daniel Serra (Eurofarma RC) - 47.852
2. 111 Rubens Barrichello (Full Time Sports) - 47.864
3. 444 Felix da Costa (Hero Motorsport II) - 47.870
4. 65 Max Wilson (Eurofarma RC) - 47.938
5. 11 Lucas Di Grassi (Hero Motorsport) - 47.995
6. 0 Cacá Bueno (Cimed Chevrolet Racing) - 48.079
Q2
7. 88 Felipe Fraga (Cimed Chevrolet Racing) - 47.768
8. 12 Lucas Foresti (Cimed Chevrolet Racing Team) - 47.787
9. 44 Bruno Baptista (Hero Motorsport) - 47.803
10. 51 Átila Abreu (Shell V-Power) - 47.814
11. 1 Antonio Pizzonia (Prati-Donaduzzi Racing) - 47.864
12. 80 Marcos Gomes (Cimed Chevrolet Racing Team) - 47.892
13. 4 Julio Campos (Prati-Donaduzzi Racing) - 47.913
14. 10 Ricardo Zonta (Shell V-Power) - 47.914
15. 8 Rafael Suzuki (Bardahl Hot Car) - 48.009
Q1
16. 5 Denis Navarro (Cavaleiro Sports) - 47.939
17. 28 Galid Osman (Cavaleiro Sports) - 47.954
18. 21 Thiago Camilo (Ipiranga Racing) - 48.011
19. 70 Diego Nunes (Full Time Bassani) - 48.037
20. 33 Nelson Piquet Jr (Full Time Bassani) - 48.039
21. 117 Guilherme Salas (Bardahl Hot Car) - 48.062
22. 90 Ricardo Maurício (Full Time Sports) - 48.066
23. 30 Cesar Ramos (Blau Motorsport) - 48.067
24. 18 Allam Khodair (Blau Motorsport) - 48.132
25. 110 Felipe Lapenna (Cavaleiro Contuflex) - 48.134
26. 77 Valdeno Brito (Eisenbahn Racing Team) - 48.149
27. 83 Gabriel Casagrande (Vogel Motorsport) - 48.176
28. 19 Felipe Massa (Cimed Chevrolet Team) - 48.200
29. 86 Agustín Canapino (Cimed Chevrolet Team) - 48.263
30. 9 Guga Lima (Vogel Motorsport) - 48.278
31. 46 Vitor Genz (Eisenbahn Racing Team) - 48.323
32. 3 Bia Figueiredo (Ipiranga Racing) - 48.365
33. 555 Renato Braga (Bardahl Cifarma RZ) - 49.028