Últimas notícias

Stock Car 500: valendo muito mais que só pontos

Vencedor da Stock Car 500 se une à lista seleta de pilotos como Affonso Giaffone, Chico Serra, Cacá Bueno e Thiago Camilo.

Da Redação

A partir do dia sete de abril o automobilismo brasileiro viverá um ano de celebrações. Naquela data, a Stock Car e seus patrocinadores Petrobras, Pirelli e Chevrolet iniciam a temporada que comemorará os 40 anos do mais tradicional, popular e longevo campeonato de nível nacional do Brasil, historicamente um dos principais centros do esporte a motor mundial.

A Stock Car completa 40 anos no próximo dia 22 de abril, mas entre as equipes e pilotos um dos objetivos da temporada é entrar para a história da categoria com a vitória do “GP 500”, justamente a prova que acontecerá no Velopark. Para marcar a façanha o vencedor, inclusive, receberá um troféu especial. E o mais interessante: é uma das poucas estatísticas sem a presença de Ingo Hoffmann.

"Esse é um ano muito especial não somente para a Stock Car, como para mim e para a equipe Ipiranga Mattheis. É um ano em que vamos trabalhar muito duro para reconquistar um lugar de destaque e brigar pelo título. E nada como começar com uma vitória. Se for uma vitória na StockCar 500, que vai marcar a história da categoria, melhor ainda. Vamos pra cima!”, comentou Thiago Camilo, um craque em provas especiais, já que venceu três vezes a Corrida do Milhão (2011, 2012 e 2015).

"Estamos trabalhando desde o início do ano na análise de todos os aspectos de 2018, revisando o carro, preparando tudo. E estou ansioso pelo início das provas. Começar com uma vitória seria ótimo, ainda mais uma corrida histórica como o GP 500. Mas, independentemente disso, o objetivo é fazer uma boa temporada", destacou o atual bicampeão Daniel Serra que, se vencer a quinta prova centenária da Stock, registrará outro feito alcançado por seu pai, Chico Serra, também campeão da categoria e vencedor da corrida número 100, ainda em 1989, com o modelo Opala Hidroplás.

Os demais vencedores “centenários” são Xandy Negrão (vencedor da prova número 200, com Omega Stock Car em 1998, na pista de Londrina e Cacá Bueno (prova 300, Mitsubishi Lancer Stock Car, 2006, Campo Grande).

Em quem você aposta para entrar nessa lista?